Comece a negociar sem
investimentos e riscos
COM O NOVO BÔNUS
STARTUP 1000$
Receba o bônus
55%
da InstaForex
em todos os depósitos
+ Reply to Thread
Page 1 of 93 1231151 ... LastLast
Results 1 to 10 of 928

Thread: Bolsas Norte Americanas.

  1. #1
    Moderator Trader Lusitano's Avatar
    Join Date
    Oct 2012
    Location
    Lusitânia
    Posts
    56,452
    imagens capturadas
    9 (mais detalhes)
    Thanks
    110
    Thanked 155 Times in 120 Posts

    Bolsas Norte Americanas.




    Wall Street subiu mais de 1% com dados económicos

    Praças norte-americanas encerraram em terreno positivo, animadas pelos dados económicos positivos.

    Os índices norte-americanos fecharam em alta seguindo o mesmo comportamento das bolsas europeias.

    Assim, o industrial Dow Jones ganhou 1,04%, enquanto o tecnológico Nasdaq progrediu 1,44%. Já o S&P avançou 1,44%.

    O dia de negociação nas bolsas ficou marcado pela divulgação de dados económicos positivos na maior economia do mundo. Primeiro foi o Departamento do Trabalho norte-americano revelar que os pedidos de subsídio de desemprego caíram em 9.000 para 363.000 na semana que terminou a 27 de Outubro, o nível mais baixo nas últimas três semanas, um número abaixo do esperado pelos analistas.

    Depois, num relatório separado, o ADP Research Institute revelou que as empresas norte-americanas contrataram 158.000 trabalhadores em Outubro, depois de um ganho de 114.000 em Setembro.

    A impulsionar os indices norte-americanos esteve ainda o facto de a actividade industrial na China ter melhorado.

    "Desde que a economia não volte a piorar, os mercados vão ficar bem como estão", referiu John Haynes, especialista da Investec Wealth & Investiment, à Bloomberg.
    http://economico.sapo.pt/noticias/wa...os_155306.html
    Last edited by The Money Man; 02-23-2015 at 04:32 PM.

  2. <a href="">Форекс портал</a>
  3. #2
    Moderator Trader Lusitano's Avatar
    Join Date
    Oct 2012
    Location
    Lusitânia
    Posts
    56,452
    imagens capturadas
    9 (mais detalhes)
    Thanks
    110
    Thanked 155 Times in 120 Posts
    EUA
    Confiança dos consumidores em máximos de quatro anos.


    A confiança dos consumidores norte-americanos subiu em Outubro para o nível mais alto desde 2008.

    O índice de sentimento do Conference Board subiu para 72,2, o nível mais alto desde Fevereiro de 2008, depois de ficar nos 68,4 em Setembro, revelaram hoje as autoridades norte-americanas.

    Ainda assim, esta subida foi aquém do previsto para os analistas sondados pela Bloomberg, que esperavam um ganho até aos 73.

    "A baixa taxa de desemprego e os preços das casas fazem com que os consumidores se sintam um pouco mais confiantes", explicava Richard Moody, especialista da Regions Financial, à Bloomberg, antes da divulgação do relatório.http://economico.sapo.pt/noticias/co...os_155277.html

  4. #3
    Moderator Trader Lusitano's Avatar
    Join Date
    Oct 2012
    Location
    Lusitânia
    Posts
    56,452
    imagens capturadas
    9 (mais detalhes)
    Thanks
    110
    Thanked 155 Times in 120 Posts
    Dia 02 de Novembro de 2012

    EUA
    Dados económicos não seguram Wall Street em terreno positivo.



    Os principais índices norte-americanos não resistiram à pressão vendedora e fecharam a semana no vermelho.

    Depois de um início em alta, os principais índices norte-americanos fecharam a semana no vermelho. Assim, o industrial Dow Jones perdeu 1,05%, enquanto o tecnológico Nasdaq cedeu 1,26%. Já o S&P 500 recuou 0,94%.

    Os dados positivos sobre a maior economia do mundo, divulgados hoje, não foram suficientes para afastar o receio dos investidores. O último relatório sobre o emprego antes das eleições nos EUA revelou que as empresas norte-americanas contrataram 171.000 trabalhadores no passado mês, acima dos 148.000 contratados em Setembro e dos 125.000 esperados pelos analistas sondados pela Bloomberg.

    No entanto, o Departamento do Trabalho norte-americano revelou que a taxa de desemprego subiu dos 7,8% para 7,9%, um aumento já esperado apesar de mais pessoas terem entrado para a força de trabalho.

    Ao nível empresarial, o sector energético foi dos que registou pior performance, com os títulos da Chevron a caírem 2,77% para os 108,37 dólares, enquanto os da Exxon perderam 1,45% para os 90,27 dólares. A seguradora AIG também caiu 7,16% para os 32,68 dólares.

    Nas tecnologias, a Apple cedeu 3,31% para os 576,80 dólares.
    http://economico.sapo.pt/noticias/da...vo_155361.html

  5. #4
    Moderator Trader Lusitano's Avatar
    Join Date
    Oct 2012
    Location
    Lusitânia
    Posts
    56,452
    imagens capturadas
    9 (mais detalhes)
    Thanks
    110
    Thanked 155 Times in 120 Posts
    Dia 05 de Novembro de 2012

    Nos EUA, os mercados acionários apontaram abertura em baixa. Os futuros do Dow Jones Industrial Average apontaram queda de 0,13%, os do S&P 500 sinalizaram perda de 0,22%, ao passo que os do Nasdaq 100 indicaram declínio de 0,07%.

    Nos EUA, o Instituto de Gestão de Abastecimento (ISM) deve publicar dados sobre a atividade do setor de serviços.
    http://www.forexpros.com.pt/news/mercado-de-a%C3%A7%C3%B5es-e-financeiro/bolsas-europeias-caem-ap%C3%B3s-dados-espanh%C3%B3is;-dax--0,44-56343

  6. #5
    Moderator Trader Lusitano's Avatar
    Join Date
    Oct 2012
    Location
    Lusitânia
    Posts
    56,452
    imagens capturadas
    9 (mais detalhes)
    Thanks
    110
    Thanked 155 Times in 120 Posts
    Os índices norte-americanos fecharam a semana no verde, puxados pelos sectores da indústria, energia e telecomunicações.

    Depois de abrirem em terreno negativo, os principais índices norte-americanos inverteram a tendência e conseguiram fechar a sessão no verde. Assim, o industrial Dow Jones subiu 0,15%, enquanto o tecnológico Nasdaq avançou 0,59%. Já o S&P 500 progrediu 0,22%.

    No entanto, a situação na Europa, sobretudo na Grécia, continua a pesar no sentimento dos investidores. Isto numa altura em que os dois candidatos à Casa Branca continuam lado-a-aldo nas sondagens aumentando a incerteza nos mercados.

    "Os investidores vão ter de aguentar até aos limites da sua capacidade de fôlego", disse Madelynn Matlock, da Hunting Asset Advisors, à Bloomberg.http://economico.sapo.pt/

  7. #6
    Moderator Trader Lusitano's Avatar
    Join Date
    Oct 2012
    Location
    Lusitânia
    Posts
    56,452
    imagens capturadas
    9 (mais detalhes)
    Thanks
    110
    Thanked 155 Times in 120 Posts
    Dia 06 de Novembro de 2012

    Erro de jornal de Ohio pode ter impulsionado alta das bolsas de NY

    NOVA YORK – Uma informação errada divulgada pelo jornal The Cincinnati Enquirer, de Ohio, pode ter impulsionado as bolsas de Nova York hoje, segundo participantes o mercado. O jornal publicou acidentalmente uma página falsa que mostrava o republicano Mitt Romney à frente do democrata Barack Obama no Estado, com uma vantagem de quase 92 mil votos.

    Posteriormente, o Cincinnati Enquirer publicou um pedido de desculpas. “Um link na página inicial do Cincinnati.com para um gráfico com dados falsos, criado como um modelo de design para o resultado das eleições, foi inadvertidamente publicado na manhã desta terça-feira. Ele visava mostrar os totais da votação nos condados de Ohio. Entretanto, nenhum voto foi contabilizado ainda – pela lei, a apuração só começa após o fechamento das urnas. O Cincinnati.com lamenta o erro”, diz o periódico, que publicamente apoia Romney.

    A maioria dos analistas acredita que uma vitória do republicano seria boa para o mercado de ações, porque as projeções de crescimento para a economia dos EUA seriam melhores em um eventual mandato de Romney. Além disso, ele é contra as compras de bônus promovidas pelo atual presidente do Federal Reserve, Ben Bernanke – que Romney já disse que pretende tirar do cargo quando o mandato dele acabar, daqui a dois anos. Assim, muitos investidores podem ser encorajados a sair do mercado de Treasuries e migrar para as bolsas.

    Excluindo o erro do Cincinnati Enquirer, um dos possíveis fatores para explicar a alta das bolsas pode ser um evento técnico. Pouco antes das 14h (de Brasília), o índice S&P 500 tocou as médias móveis de 50 e 100 dias, e depois disso os ganhos se acentuaram. Por volta das 17h15, o S&P avançava 0,94%, enquanto o Dow Jones ganhava 1,18% e o Nasdaq tinha alta de 0,55%. As informações são da Dow Jones.

  8. #7
    Moderator Trader Lusitano's Avatar
    Join Date
    Oct 2012
    Location
    Lusitânia
    Posts
    56,452
    imagens capturadas
    9 (mais detalhes)
    Thanks
    110
    Thanked 155 Times in 120 Posts
    Praças Norte Americanas.
    Fecho - Dia 06 de Novembro de 2012


    Wall Street termina em alta: Dow Jones +1,0%, Nasdaq +0,41%

    NOVA YORK, 6 Nov 2012 (AFP) -Wall Street terminou em alta nesta terça-feira, em uma sessão marcada pela cautela antes dos resultados das eleições norte-americanas.
    De acordo com dados provisórios de fechamento, o Dow Jones avançou 1,00%, para 13.243,99 unidades, e o termômetro da tecnologia , Nasdaq, fechou com ganho de 0,41%, para os 3.011,93 pontos.http://www.ecofinancas.com

  9. #8
    Moderator Trader Lusitano's Avatar
    Join Date
    Oct 2012
    Location
    Lusitânia
    Posts
    56,452
    imagens capturadas
    9 (mais detalhes)
    Thanks
    110
    Thanked 155 Times in 120 Posts
    Desemprego nos EUA.

    Desemprego pode superar os 10%

    A Fitch considera que o precipício orçamental poderá mergulhar os EUA numa recessão “desnecessária e evitável”, o que acabará por fazer subir a taxa de desemprego acima dos 10% no próximo ano. No entender da agência de “rating”, os aumentos de impostos e os cortes na despesa previstos para o início de 2013 não resolverão, no longo prazo, as questões do aumento da despesa pública e a base tributária “relativamente estreita e volátil”. Além disso, é possível que estes ajustamentos sejam parcialmente vetados pelo Congresso, perpetuando a incerteza em torno das políticas fiscais e orçamentais da Casa Branca.

    Assim, se Obama não conseguir resolver o problema do “precipício orçamental” – que poderá manifestar-se assim que os ajustamentos entrem em vigor na data programada [a menos que os políticos cheguem a um compromisso] – e o problema do “tecto da dívida”, deverá ver o seu “rating” cortado em 2013, avisa a Fitch.

    E em que consiste esse “tecto” da dívida? Trata-se de um limite - definido pelo Congresso – ao montante de dívida que o governo federal pode legalmente contrair. O tecto aplica-se à dívida detida pelo público em geral (ou seja, quem compra Obrigações norte-americanas do Tesouro, como investidores privados, fundos de pensões e outros governos) e ao dinheiro que é devido aos vários programas que são financiados pelo governo federal, como a Segurança Social e a Medicare. No Verão passado, o impasse político em torno do aumento deste tecto – que acabou por se concretizar – ditou o primeiro corte de “rating” dos EUA, por parte da agência S&P.

    Ontem, o primeiro "post" de Obama no Facebook [onde aparecia abraçado a Michelle Obama] - que foi também, no Twitter, a mensagem mais partilhada de sempre - dizia: "Four more years". Mas o "Mr. President" não tem quatro anos para convencer a Fitch a não descer a sua classificação da dívida soberana dos EUA. É por isso que tem de começar já a arregaçar as mangas. Até porque, como diz a Fitch no seu relatório de hoje, não há "lua-de-mel orçamental" para Obama.http://www.jornaldenegocios.pt

  10. #9
    Moderator Trader Lusitano's Avatar
    Join Date
    Oct 2012
    Location
    Lusitânia
    Posts
    56,452
    imagens capturadas
    9 (mais detalhes)
    Thanks
    110
    Thanked 155 Times in 120 Posts
    Praças Norte Americanas.
    Fecho - Dia 06 de Novembro de 2012


    Wall Street regista maior queda desde Junho com índices a perderem 2%.

    No dia seguinte à reeleição de Barack Obama na presidência dos EUA, as bolsas mostraram que as questões que ainda estão por resolver têm peso e continuam a afligir.

    As praças do outro lado do Atlântico encerraram em terreno negativo, a reflectir algumas questões pendentes. Em declarações à Bloomberg, um estratega da Russell Investments, Stephen Wood, comentou que a quebra no mercado accionista se deve ao facto de haver problemas por resolver, nomeadamente a do precipício orçamental (o chamado “fiscal cliff” - imagem usada para descrever os ajustamentos que estão programados e que passam por aumentos automáticos de impostos e cortes de despesas no início de 2013 nos EUA).

    Se não houver um compromisso no Congresso e os ajustamentos forem em frente, o país poderá voltar a mergulhar numa recessão. Assim, os investidores estão agora estar focados nos 607 mil milhões de dólares de aumentos de impostos e de cortes nas despesas federais, à espera que Governo e Congresso cheguem a acordo para que estas medidas não entrem em vigor – ou que, pelo menos, sejam atenuadas.

    A agência de “rating” Fitch advertiu hoje que se Obama não conseguir responder rapidamente ao desafio do precipício orçamental e do limite ao endividamento do país, os EUA poderão perder a sua notação de triplo A.

    O índice industrial Dow Jones fechou a ceder 2,36%, fixando-se nos 132.932,73 pontos, enquanto o Nasdaq perdeu 2,48% para 2.937,28 pontos.

    O S&P 500, por seu lado, recuou 1,97% para 1.400,23 pontos.

    Se bem que o S&P 500 tenha subido em média 0,9% nos dias de eleições presidenciais, desde 1984, o facto é que o índice só teve retornos positivos em duas de sete vezes no dia seguinte, de acordo com os dados compilados pelo Bespoke Investment Group, citados pela Bloomberg. Em média, o S&P 500 caiu 0,9% no dia seguinte à ida às urnas, referem os mesmos dados.

    Quanto ao Dow Jones, apesar de a sua vitória em 2008 ter sido seguida da maior queda deste índice num dia a seguir às eleições presidenciais, os ganhos das acções norte-americanas nos últimos quatro anos estão entre os melhores do mundo desenvolvido, sublinha a Bloomberg.

    Desta vez, o cenário de queda no dia pós-eleições foi marcante, com as bolsas a registarem as quedas mais acentuadas desde Junho. Um recado a Obama, que foi o primeiro presidente a ser reeleito num cenário de desemprego acima dos 7,5%. Ontem, Barack Obama derrotou o candidato republicano, Mitt Romney, intensificando a especulação de que a Reserva Federal prosseguirá com as medidas de estímulo à economia.

    Os títulos das empresas mais dependentes da evolução da economia lideraram as perdas na sessão de hoje. Foi o caso do Bank of America e da Apple.

    Os 10 grupos industriais representados no Standard & Poor’s 500 encerraram todos em baixa, com os títulos das finanças, da energia e das tecnologias a destacarem-se entre as maiores desvalorizações.

    Os títulos associados à defesa também foram penalizados, sobretudo era o candidato derrotado que tinha prometido um aumento dos gastos no sector militar. http://www.jornaldenegocios.pt

  11. <a href="">Форекс портал</a>
  12. #10
    Moderator Trader Lusitano's Avatar
    Join Date
    Oct 2012
    Location
    Lusitânia
    Posts
    56,452
    imagens capturadas
    9 (mais detalhes)
    Thanks
    110
    Thanked 155 Times in 120 Posts
    Praças Norte Americanas.
    Dia 08 de Novembro 2012.



    Dados do desemprego sustentam bolsas dos EUA


    O Dow Jones sobe 0,06% para 12.940,51 pontos e o Nasdaq avança 0,18% para 2.942,68 pontos.

    A contribuir para a subida dos índices, que ontem registaram quedas avultadas devido aos receios em torno do “precipício fiscal”, estão os dados divulgados sobre o mercado de trabalho.

    Houve menos americanos a pedirem acesso ao subsídio de desemprego na semana passada, num período marcado pela passagem o furacão Sandy. O número de pedidos de subsídio caiu em oito mil para 355 mil, na semana terminada a 3 de Novembro. Os economistas consultados pela Bloomberg estimavam que o total fosse fixado em 365 mil.http://www.jornaldenegocios.pt

+ Reply to Thread

Posting Permissions

  • You may not post new threads
  • You may not post replies
  • You may not post attachments
  • You may not edit your posts
Brazil Forex Forum - Presentation
You are welcome to the forum serving as a virtual salon for communication of traders of all levels. Forex is a dynamically developing financial market which is open 24 hours a day. Anyone can get access to this market via a brokerage company. On this forum you can discuss the numerous advantages of trading on the currency market and all aspects of online trading on MetaTrader4 or MetaTrader5 platforms.

Brazil Forex Forum - Trading discussions
Every forumite can join a discussion of various issues, including those related to Forex but not limited to. The forum has been designed for sharing opinions and helpful information and is open for both professionals and beginners. Mutual assistance and tolerance are highly appreciated. If you would like to share you experience with others or deepen your knowledge of trading craft, you are most welcome to the forum threads dedicated to trading discussions.

Brazil Forex Forum - Dialogue between brokers and traders (about brokers)
In order to be successful on Forex, it is crucial to choose a brokerage company with due diligence. Make sure you broker is really reliable! Thus you will be impervious to many risks and will make profitable trades on Forex. On the forum a rating of brokers is represented; it is based on comments left by their customers. Post your opinion about the brokerage company you work with, it will help other traders avoid mistakes and choose a good broker.

Unleashed communication on Brazil Forex Forum
On this forum you can talk about not only trading issues, but any other topics you like. Offtopping is allowed in a special thread too! Humour, philosophy, social problems or practical wisdom - converse about anything you are interested in, including forex trading if you like!

Bonuses for communication on Brazil Forex Forum
Those who post messages on the forum can receive money bonuses and use them for trading on an account of a forum sponsor. The forum is not meant for gaining profit; however forumites can get these small bonuses as reward for the time spent on the forum and sharing views on the currency market and trading.