--> --> China - Noticias
Ganhe até
$50000
por convidar amigos
para receber o Bônus StartUp
da InstaForex
Não é necessário investimento!
Comece a negociar sem
investimentos e riscos
COM O NOVO BÔNUS
STARTUP 1000$
Receba o bônus
55%
da InstaForex
em todos os depósitos
+ Responder ao Tópico
Página 27 de 28 FirstFirst ... 1725262728 ÚltimoÚltimo
Resultados de 261 a 270 de 277

Thread: China - Noticias

  1. #261
    Banned
    Data de Registro
    Oct 2012
    Local
    Lusitânia
    Postagens
    57,217
    imagens capturadas
    9 (mais detalhes)
    Accumulated bonus
    11987.91 USD
    Obrigado
    109
    Agradeceu 277 vezes em 232Postagens


    Crescimento da China acelera pela primeira vez desde 2010


    A segunda maior economia do mundo viu o seu crescimento aumentar de 6,7%, em 2016, para 6,9%, no ano passado.


    O crescimento da economia chinesa acelerou, no ano passado, pela primeira vez desde 2010. De acordo com os dados divulgados esta quinta-feira, 18 de Janeiro, pelo gabinete nacional de estatística, o PIB subiu 6,9% em 2017, depois do crescimento de 6,7% registado no ano anterior.




    2017 quebra, assim, um ciclo de seis anos consecutivos em que o crescimento da segunda maior economia do mundo abrandou. Em 2010, o PIB da China subiu 10,6% (mais do que no ano anterior, em que o crescimento se fixou em 9,4%), e daí em diante foi sempre desacelerando.




    Considerando apenas os últimos três meses do ano passado, o PIB avançou 6,8% em termos homólogos, acima das estimativas dos analistas consultados pela Bloomberg, que apontavam para 6,7%.




    Em Dezembro, a produção industrial aumentou 6,2% - acima das projecções de 6,1% - enquanto as vendas a retalho subiram 9,4% - abaixo das estimativas de 10,2%. Já o investimento em capital fixo cresceu 7,2% no ano, o valor mais baixo desde 1999.




    O crescimento da economia chinesa deverá suportar a missão do presidente Xi Jinping de reduzir a elevada dívida do país, um dos principais objectivos de Pequim para os próximos três anos, além de combater a pobreza e a poluição.




    "O ambiente macro, com uma pressão inflacionária relativamente moderada e um impulso de crescimento razoavelmente decente, é muito favorável para impulsionar ainda mais as reformas", afirma Raymond Yeung, economista-chefe no Australia & New Zealand Banking Group Ltd, citado pela agência noticiosa.

  2. <a href="">Форекс портал</a>
  3. #262
    Banned
    Data de Registro
    Dec 2012
    Local
    Portugal
    Postagens
    75,315
    imagens capturadas
    17 (mais detalhes)
    Accumulated bonus
    14952.39 USD
    Obrigado
    115
    Agradeceu 229 vezes em 176Postagens




    PetroChina: de besta a bestial?


    Petrolífera prevê triplicar os lucros. Empresa estatal chinesa registou, na última década, a maior queda de uma acção na história mundial.

    A maior produtora de petróleo e gás da China, a segunda maior economia do mundo, prevê que 2018 seja um ano de viragem. A PetroChina Co, a maior empresa petrolífera da China e a maior do mundo em valor de mercado, teve uma queda recorde nos lucros em 2016, depois de uma década negra - em que perdeu cerca de 800 mil milhões de dólares (688 mil milhões de euros) do seu valor de mercado e protagonizou a maior queda de uma acção na história mundial. Mas a empresa preve agora triplicar os seus resultados até ao final deste ano. E os analistas estão atentos.




    As acções da empresa ganharam mais de 15% este mês, um valor acima da média de crescimento 9% no índice Hang Seng de Hong Kong. O facto de as acções terem batido no fundo e a recuperação dos preços do petróleo são os argumentos que trazem maior confiança aos traders.


    Antes mesmo da empresa ter anunciado que tinha aumentado o lucro líquido em 2017 e rever em alta todas as suas previsões, várias corretoras reviram em alta as suas perspectivas para as acções da PetrocHina: a 11 de Janeiro, o Citigroup aconselhou os seus clientes a comprar acções da empresa estatal chinesa, uma posição idêntica à do Nomura. Já a Morgan Stanley baixou o rating da empresa logo no primeiro dia útil do ano, a Macquarie e a Zacks Investment Research reviram em alta o preço alvo das acções da PetroChina.


    A PetroChina foi a primeira empresa do mundo a atingir uma capitalização bolsista de um bilião de dólares em 2007, e desempenha um papel fundamental no compromisso do presidente Xi Jinping de apostar na energia verde.


    Mas nem todos acreditam nesta recuperação fantástica. "Existe uma melhoria, mas os ganhos ainda estão significativamente abaixo dos seus pares. Continuamos preocupados com o impacto das perdas de gás nas contas da PetroChina", afirmou à Bloomberg Neil Beveridge, analista da Sanford C. Bernstein, em Hong Kong.


    A desvalorização histórica da última década – a maior de sempre - está, em parte, relacionada com algumas das maiores mudanças na política económica da China dos últimos dez anos, tais como o abandono da estratégia de aposta no crescimento intensivo das commodities, a mais recente queda dos preços do petróleo e as tentativas do Executivo em reprimir a especulação no mercado accionista.


    Mas o cenário mudou, além dos preços do petróleo estarem a recuperar, a China foi pela primeira vez , em termos anuais, a maior importadora de petróleo do mundo no ano passado, título detido anteriormente pelos Estados Unidos. E não é só no petróleo, que a China está a registar recordes. As importações de minério de ferro – um material que geralmente não se encontra na China e que é menos poluentes – cresceram no ano passado 5%. Ainda no sentido de travar a poluição, a China está a apostar na utilização de gás natural. As compras ao exterior desta matéria subiram perto de 27% em 2017.




    O crescimento económico da China pode ajudar a explicar estes valores das importações de matérias-primas por parte da segunda maior economia do mundo e impulsionar os ganhos na bolsa.


    "A expansão económica da China tem superado as expectativas desde a segunda metade do ano passado, impulsionando a procura por todos os tipos de matérias-primas", disse à agência de notícias Guo Chaohui, analista na China International Capital.


    Argumentos que levam Tian Miao, analista da Everbright Sun Hung Kai Co, a defender que "o lucro líquido da Petrochina vai certamente aumentar este ano, impulsionado pela expansão ainda robusta do uso de gás e da subida dos preços do petróleo. Mesmo que o crescimento não seja tão drástico quanto a empresa prevê", conclui.

  4. #263
    Senior Member
    Data de Registro
    Nov 2017
    Postagens
    248
    Accumulated bonus
    22.00 USD
    Obrigado
    17
    Agradeceu 124 vezes em 54Postagens

    Atividade comercial da China continua muito forte em janeiro

    Para o mês de janeiro, a China registrou um aumento de 36,9% nas importações e um aumento de 11,1% nas exportações, tanto em denominações de dólar, de acordo com o escritório de estatísticas do país. Ambos os números superaram as expectativas.

    Os economistas esperavam que as importações para o período aumentassem 9,8%em uma base anual. Eles também esperavam crescimento das exportações para entrar em 9,6 por cento.

    Em dezembro, as exportações chinesas denominadas em dólares aumentaram 10,9% em relação ao mesmo período do ano anterior, enquanto as importações aumentaram 4,5%.

    O superávit comercial em janeiro foi de US $ 20,34 bilhões, significativamente menor que o superávit esperado de US $ 54,1 bilhões. O superávit comercial do país com os EUA foi de US $ 21,895 bilhões em janeiro, abaixo de US $ 25,55 bilhões em dezembro. A medida é monitorada de perto, já que os dois países disputam o comércio.

    As importações de carvão de janeiro atingiram seu nível mais alto desde o mesmo mês de 2014. O clima mais frio do que o habitual afetou partes do país neste inverno, provocando a demanda por combustível de aquecimento. As importações de petróleo subiram para um recorde, com uma média de cerca de 9,61 milhões de barris por dia em janeiro.

  5. #264
    Senior Member
    Data de Registro
    Nov 2017
    Postagens
    166
    Accumulated bonus
    13.00 USD
    Obrigado
    56
    Agradeceu 60 vezes em 29Postagens

    Empréstimos bancários da China em alta recorde

    Os bancos da China emprestaram uma quantidade recorde de novos empréstimos de yuan em janeiro, segundo dados do Banco do Povo da China, na segunda-feira. Os novos empréstimos de yuan aumentaram para CNY 2,9 trilhões em janeiro de cerca de CNY 584 bilhões em dezembro. Esperava-se que os empréstimos subissem para US $ 2 trilhões. Da mesma forma, o financiamento social total chegou em CNY 3.06 trilhões contra CNY 1.14 trilhões por mês atrás. A oferta monetária M2, cresceu 8,6% anualmente. Esperava-se que a taxa permanecesse inalterada em 8,2 por cento. Julian Evans-Pritchard, economista da Capital Economics, disse que a China registra empréstimos recorde no início de quase todos os anos. A história mais importante é que o crescimento mais amplo do crédito caiu para um novo limite de vários anos. Os formuladores de políticas argumentaram que a economia deverá manter bem este ano, apesar da menor criação de crédito. Mas o Provedor de atividade da China da Capital Economics sugere que o crescimento já começou a sofrer devido à redução do apoio político, observou o economista.



  6. #265
    Senior Member
    Data de Registro
    Nov 2017
    Postagens
    248
    Accumulated bonus
    22.00 USD
    Obrigado
    17
    Agradeceu 124 vezes em 54Postagens

    Mercados asiáticos se recuperam após os ganhos de Wall Street

    Name:  ações asiáticas 2.jpg
Views: 10
Size:  133.9 KBAs ações asiáticas avançaram antecipadamente na segunda-feira, aumentando a conta dos ganhos observados em Wall Street, já que os rendimentos das obrigações dos EUA recuaram dos máximos de quatro anos na sessão anterior.

    O índice Nikkei 225 subiu 169,86 pontos ou 0,78 por cento, após conquistar ganhos de mais de 300 pontos no início da sessão. Os estoques de tecnologia, os financeiros e os fabricantes de automóveis negociaram mais alto no dia. Entre os pesos pesados do índice, o SoftBank Group subiu 1,24% e Fast Retailing subiu 1,01%.

    O índice de ações de referência da Coréia do Sul, Kospi, registrou um aumento de 0,12%, enquanto o junior Kosdaq registrou ganhos mais significativos, aumentando 0,68 por cento no início do comércio. Heavyweight A Samsung Electronics caiu 0,08 por cento depois de revelar o seu novo modelo Galaxy S9. As ações da fabricante de chips SK Hynix subiram 0,39 por cento e a LG Display negociou inalterada.

    Na Austrália, o S & P / ASX 200 subiu 0,47 por cento à medida que o índice recuperou a marca de 6 000. O setor financeiro avançou 0,85 por cento, um setor fortemente ponderado, tornando-se um dos setores de melhor desempenho pela manhã. Ganhos também foram observados no setor de energia, que avançou 0,86 por cento.

    Em Hong Kong, o índice Hang Seng foi um pouco mais alto na parte da manhã. O índice aumentou 0,47 por cento no início do comércio. No continente, o Shanghai Composite subiu 0,12 por cento e o composto de Shenzhen aumentou 0,33 por cento.

  7. #266
    Senior Member
    Data de Registro
    Nov 2017
    Postagens
    211
    Accumulated bonus
    16.10 USD
    Obrigado
    31
    Agradeceu 89 vezes em 43Postagens

    China mantém a meta de crescimento próxima de 6,5% em 2018

    Name:  429474_china_satin_flag_kitaj_satin_flag_1920x1080_www.Gde-Fon.com.jpg
Views: 8
Size:  77.0 KBA China anunciou a meta de crescimento econômico anual de quase 6,5% em 2018, o mesmo que em 2017, disse o primeiro-ministro Li Keqiang, já que o partido comunista pretende destacar a qualidade em relação à quantidade em meio a preocupações com o desperdício de investimentos e a degradação ambiental. A meta foi mantida inalterada mesmo que a economia cresceu 6,9 por cento em 2017, superando o objetivo do governo, sugerindo que Pequim mantém seu foco em reduzir os riscos para o sistema financeiro devido a uma rápida acumulação de dívidas.

    O primeiro-ministro Li Keqiang revelou o objetivo ao entregar um relatório de trabalho para a abertura de uma reunião anual do parlamento de selos de borracha em Pequim, que também deverá aprovar uma emenda constitucional para eliminar o limite do mandato presidencial, permitindo que Xi Jinping sirva além do Máximo de 10 anos.

    A reunião estabelecerá a agenda de políticas para o governo da China este ano após uma reunião do Partido Comunista em outubro. Os economistas esperam que o impulso do crescimento desacelere este ano, já que o governo reúne dívidas corporativas, levando a maiores custos de empréstimos, enquanto uma guerra contra a poluição e um mercado imobiliário resfriador pesará sobre indústrias pesadas e investimentos imobiliários. Li também disse que a China reduziu sua meta de déficit orçamentário para 2,6% do produto interno bruto de três por cento em 2017.

    O corte do déficit orçamentário foi o primeiro nos anos, sugerindo que Pequim estará mais atento às despesas fiscais, uma vez que a China avança contra os riscos financeiros. Li também disse que a China manterá sua política monetária neutra, reafirmando a posição das autoridades. A China manterá a política monetária nem muito solta nem muito apertada, e manterá liquidez razoavelmente estável, disse ele.

  8. #267
    Senior Member
    Data de Registro
    Nov 2017
    Postagens
    211
    Accumulated bonus
    16.10 USD
    Obrigado
    31
    Agradeceu 89 vezes em 43Postagens

    China diz estar disposta a intensificar comunicação com União Europeia sobre aço

    Name:  china.JPG
Views: 8
Size:  138.5 KB China está disposta a fortalecer a comunicação e a coordenação com a União Europeia para enfrentar o caos causado pelas tarifas impostas pelos Estados Unidos nas importações de aço e alumínio, disse o Ministério do Comércio chinês na segunda-feira.

    A China vai tomar medidas para salvaguardar os interesses das empresas chinesas, disse Wang Hejun, do ministério, após a decisão da União Europeia de lançar uma investigação sobre o aço importado em resposta às tarifas dos EUA.

    A adoção de medidas de proteção comercial não é a escolha correta e só vai piorar o caótico comércio internacional causado pela ação dos EUA, disse Wang.

    O ministério disse na sexta-feira que a China está planejando medidas contra até 3 bilhões de dólares em importações dos EUA para compensar as tarifas dos EUA contra produtos chineses de aço e alumínio.

  9. #268
    Senior Member
    Data de Registro
    Nov 2017
    Postagens
    270
    Accumulated bonus
    19.90 USD
    Obrigado
    18
    Agradeceu 156 vezes em 65Postagens

    China prepara tarifas retaliatórias sobre produtos importados dos EUA

    Ainda na segunda-feira, parecia que as tensões comerciais entre China e EUA estavam diminuindo e as bolsas de todo o mundo subiram.

    No entanto, as preocupações voltaram com força total uma vez que o Global Times, jornal estatal chinês, afirmou que Pequim poderia anunciar logo uma longa lista de tarifas sobre produtos de importação dos EUA para retaliar as sobretaxas planejadas dos EUA.

    Alarmes sobre uma possível guerra comercial entre as duas maiores economias do mundo reduziram o apetite ao risco, já que mercados financeiros aguardam consequências terríveis caso as barreiras comerciais sejam implementadas devido à aposta de Trump para reduzir o déficit com a China.

    Os mercados agora esperam que os EUA divulguem uma lista de produtos chineses que poderiam ser alvo de tarifas adicionais após uma investigação norte-americana ter considerado a China culpada de roubo de propriedade intelectual e comércio

  10. #269
    Senior Member
    Data de Registro
    Nov 2017
    Postagens
    270
    Accumulated bonus
    19.90 USD
    Obrigado
    18
    Agradeceu 156 vezes em 65Postagens

    Xi reafirma promessas de abertura da economia chinesa e redução de tarifas

    O presidente chinês Xi Jinping renovou seus votos para abrir ainda mais a economia do país e reduzir as tarifas de importação em uma variedade de produtos, incluindo carros, em um discurso percebido como conciliador em meio à escalada das tensões comerciais entre a China e os EUA.

    Enquanto a maioria das promessas eram apenas reafirmações de medidas anunciadas anteriormente, os comentários de Xi deram um impulso às ações americanas, ao dólar e às ações asiáticas.

    O líder chinês disse que seu país ampliará significativamente o acesso ao mercado para investidores internacionais, uma queixa principal dos parceiros comerciais da China e um ponto enumerado de contenção do governo do presidente dos EUA, Donald Trump, que ameaçou o país com bilhões de dólares em tarifas chinesas. Xi disse que o país facilitará o limite de propriedade estrangeira na indústria automobilística "o mais rápido possível" e promulgará medidas previamente anunciadas para abrir o setor financeiro.

    O discurso do presidente no Fórum de Boao na província de Hainan foi acompanhado de perto como um de seus primeiros grandes discursos em um ano em que o Partido Comunista celebra o 40º aniversário de suas reformas econômicas marcantes.

  11. <a href="">Форекс портал</a>
  12. #270
    Senior Member
    Data de Registro
    Nov 2017
    Postagens
    270
    Accumulated bonus
    19.90 USD
    Obrigado
    18
    Agradeceu 156 vezes em 65Postagens

    China registra primeiro déficit comercial em um ano

    Dados comerciais divulgados nesta sexta-feira mostraram que as exportações da China inesperadamente caíram em março, levando a segunda maior economia do mundo a registrar seu primeiro déficit comercial em termos expressos em dólar desde fevereiro de 2017.

    Especificamente, o déficit comercial da China atingiu US$ 4,98 bilhões em março, o que se compara ao superávit do mês anterior de US$ 33,75 bilhões. Isso ocorreu com suas exportações inesperadamente caindo 2,7% no ano, o que se compara a projeções de ganhos de 10,0%. As importações tiveram alta de 14,4%, superando expectativas de alta de 10,0%.

    Apesar do déficit mensal, o superávit comercial da China com os EUA subiu quase 20% no primeiro trimestre, com analistas indicando que exportadores aceleraram as remessas nos primeiros três meses do ano para se adiantarem a quaisquer ameaças de tarifas.

+ Responder ao Tópico

Permissões de postagens

  • You may not post new threads
  • You may not post replies
  • You may not post attachments
  • You may not edit your posts