photo
+ Responder ao Tópico
Página 1 de 4 1 2 3 ... Último
Resultados de 1 a 10 de 36

Thread: Banco Mundial

  1. #1 Fechar a publicação
    Banned
    Data de afiliação
    Oct 2012
    Local
    Lusitânia
    Postagens
    7,331
    Obrigado
    37
    Agradecimentos 3,095 Tempos em 2,528 Postagens

    Banco Mundial

    Banco Mundial é uma instituição financeira internacional que fornece empréstimos para países em desenvolvimento em programas de capital.

    O Banco é composto por duas instituições: Banco Internacional para Reconstrução e Desenvolvimento (BIRD) e Associação Internacional de Desenvolvimento (AID). O Grupo Banco Mundial abrange estas duas e mais três: Sociedade Financeira Internacional (SFI), Agência Multilateral de Garantia de Investimentos (MIGA) e Centro Internacional para Arbitragem de Disputas sobre Investimentos (CIADI).

    História

    O Banco Mundial começou a partir da criação do Banco Internacional para Reconstrução e Desenvolvimento(BIRD) nas Conferências de Bretton Woods, em 1944, junto com o Fundo Monetário Internacional(FMI) e o Acordo Geral de Tarifas e Comércio(GATT). Por costume, a presidência das duas instituições é dividida entre a Europa e os Estados Unidos, sendo o Banco Mundial presidido por um norte-americano, enquanto o FMI é presidido por um europeu.
    Logo após a Segunda Guerra Mundial, os Estados Unidos e o Reino Unido dominaram as negociações nas Conferências de Bretton Woods.[2]
    A missão inicial do Banco Mundial, até então somente o BIRD, foi de financiar a reconstrução dos países devastados pela Segunda Guerra Mundial. Com o tempo a missão evoluiu para a de financiamento do desenvolvimento dos países mais pobres e de auxílio financeiro.
    e desperta tão fortes críticas. Mais...


    The World Bank headquarters in Washington, D.C.

    Though trading on financial markets involves high risk, it can still generate extra income in case you apply the right approach. By choosing a reliable broker such as InstaForex you get access to the international financial markets and open your way towards financial independence. You can sign up here.


  2. #2 Fechar a publicação
    Banned
    Data de afiliação
    Oct 2012
    Local
    Lusitânia
    Postagens
    7,331
    Obrigado
    37
    Agradecimentos 3,095 Tempos em 2,528 Postagens
    EM 16 DE JANEIRO DE 2013 AS 07H45

    Banco Mundial reduz previsão para o Brasil e lança alerta a emergentes


    Novo relatório prevê avanço de 3,4% para a economia brasileira em 2013, abaixo da previsão anterior, de 4,2%.
    Fonte: BBC

    O Banco Mundial revisou para baixo sua previsão de crescimento da economia brasileira e lançou um alerta para que os emergentes protejam seu crescimento, já que o caminho da recuperação mundial ainda é 'espinhoso'.
    'As nações em desenvolvimento devem se concentrar em melhorar o potencial de suas próprias economias e, ao mesmo tempo, fortalecer suas reservas para enfrentar os riscos provenientes da zona do euro e das políticas fiscais adotadas pelos EUA', diz a edição mais recente do relatório Global Economic Prospects (Perspectivas Econômicas Mundiais), publicada nesta terça-feira.
    De acordo com o novo relatório, o PIB (Produto Interno Bruto) brasileiro deverá avançar 3,4% em 2013, abaixo da previsão anterior, feita em junho, de 4,2%.
    A nova estimativa ainda está um pouco acima das previsões do mercado brasileiro, de 3,2%, segundo o Relatório Focus desta semana.
    Para 2014, o Banco Mundial prevê crescimento de 4,1% para a economia brasileira, um avanço em relação aos 3,9% previstos anteriormente. O Focus prevê crescimento de 3,6% em 2014.
    'O crescimento no Brasil deve se acelerar para 3,4% (depois de 0,9% em 2012), impulsionado por políticas de estímulo monetário e fiscal cujos efeitos ainda não foram totalmente sentidos', diz o órgão com sede em Washington.
    Desempenho fraco
    O relatório chama a atenção ainda para o impacto da desaceleração da expansão do crédito sobre o crescimento brasileiro e de um ambiente de comércio um pouco menos favorável.
    Diz ainda que pressões inflacionárias poderão ser contrapostas com os cortes nas tarifas de eletricidade e com o próprio crescimento um pouco abaixo do potencial.
    Segundo o Banco Mundial, o ambiente externo fraco e a contração na demanda doméstica foram amplamente responsáveis pelo crescimento fraco da América Latina, de 3% em 2012. Para este ano, a previsão é de 3,5%.
    Tal ritmo lento não foi visto só na América Latina. De acordo com o Banco Mundial, no ano passado os países em desenvolvimento registraram uma de suas piores taxas de crescimento da última década.
    O aumento das incertezas na zona do euro em maio e junho de 2012 é apontado como um dos motivos para esse desempenho.
    'Desde então, as condições dos mercados financeiros melhoraram drasticamente', indica o documento.
    'No entanto, a economia real respondeu de maneira moderada. A produção se acelerou nos países em desenvolvimento, mas se vê freada pela falta de investimentos e pela fraca atividade industrial nas economias avançadas.'

    Though trading on financial markets involves high risk, it can still generate extra income in case you apply the right approach. By choosing a reliable broker such as InstaForex you get access to the international financial markets and open your way towards financial independence. You can sign up here.


  3. #3 Fechar a publicação
    Banned
    Data de afiliação
    Oct 2012
    Local
    Lusitânia
    Postagens
    7,331
    Obrigado
    37
    Agradecimentos 3,095 Tempos em 2,528 Postagens
    EM 16 DE JANEIRO DE 2013 AS 02H45


    Brasil deve crescer 0,9% em 2012, diz Banco Mundial

    Relatório de perspectivas globais aponta inflação como problema.
    Para 2013, é esperado crescimento de 3,4%, com medidas surtindo efeito.

    O Brasil deve crescer 0,9% em 2012, após uma desaceleração forte que derrubou as expectativas de expansão, segundo relatório do Banco Mundial divulgado nesta terça-feira (15). Para 2013, a previsão da entidade é que o país cresça 3,4%, com a economia sendo estimulada pela manutenção da política fiscal atual, que deve começar a surtir efeitos.
    Segundo a estimativa do Bird no relatório “Perspectivas econômicas globais de 2013”, o PIB do Brasil esperado para 2012 teve uma desaceleração considerável em relação à alta “já modesta” de 2,7% em 2011. A redução do ritmo ocorreu principalmente na segunda metade de 2012 e rendeu um crescimento bem abaixo do que estava sendo esperado: no meio do ano, a expectativa para o ano era de uma alta de 2,9%; mas o fechamento foi em 0,9%.
    Entre os principais problemas enfrentados pelo Brasil, o Bird aponta a inflação em alta, que permanece com tendência crescente apesar da redução no ritmo do crescimento. O Índice de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA), considerado a "inflação oficial" do país, fechou o ano em 5,84%, segundo o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE).
    É uma situação parecida com a vista pela enitdade no México, Rússia, África do Sul e Turquia. “A inflação nestes países parece estar estruturada, pelo menos em parte, em gargalos de demanda, o que sugere que mesmo com o crescimento mais lento, há aperto de estoques tão grandes que, em vez de contribuir para maior crescimento, a demanda maior vai contribuir para um superaquecimento”, diz o relatório.
    No Brasil, o estudo aponta que a inflação decorre principalmente da pressão dos preços dos alimentos em função da dificuldade de suprir as necessidades de estoque.
    As medidas tomadas pelo governo para estimular a economia, no entanto, são vistas com algum otimismo pelo Bird. “Os efeitos de taxas de juros baixas devem começar a ser sentidos ao longo do ano, o que deve impulsionar a demanda doméstica”, diz o texto.
    O estudo aponta que o crescimento na América Latina foi o segundo mais baixo entre as regiões do mundo em desenvolvimento, ficando apenas atrás da Europa em desenvolvimento e a Ásia central.
    Emergentes
    O relatório aponta os emergentes ainda como uma aposta para o crescimento mundial, diante das dificuldades que continuam a ser enfrentadas pelos países mais ricos. O Bird diz que os países emergentes devem se focar em estimular o potencial de crescimento, já que os países mais ricos devem continuar tendo dificuldades para crescer.
    “Não podemos esperar pela volta do crescimento dos países mais ricos, então temos de continuar apoiando os países em desenvolvimento a investir em infraestrutura, saúde e educação. Isso vai sedimentar o caminho para o crescimento forte que hoje sabemos que eles podem alcançar nos próximos anos”, disse no relatório o presidente do Bird, Jim Yong Kim.
    Entre os destaques de crescimento, o Bird aponta o México, que “continuou com crescimento robusto” estimado em 4%, apesar das ligações com a economia norte-americana; e o Chile, que deve crescer 5,8% em 2012.
    O estudo considera que, em 2012, os países em desenvolvimento tiveram os menores crescimentos da última década, em parte por causa da incerteza zona do euro. No entanto, a perspectiva é que tenha havido melhora ao longo do ano, embora isso não tenha chegado na economia real. “O avanço nos países em desenvolvimento acelerou, mas está sendo travado pelo baixo investimento e da atividade industrial nas economias avançadas”, diz o estudo.

    Though trading on financial markets involves high risk, it can still generate extra income in case you apply the right approach. By choosing a reliable broker such as InstaForex you get access to the international financial markets and open your way towards financial independence. You can sign up here.


  4. #4 Fechar a publicação
    Banned
    Data de afiliação
    Oct 2012
    Local
    Lusitânia
    Postagens
    7,331
    Obrigado
    37
    Agradecimentos 3,095 Tempos em 2,528 Postagens
    Zona euro só voltará a crescer em 2014, diz Banco Mundial

    A Zona euro só voltará a ter crescimento económico em 2014, perspetiva o Banco Mundial no seu mais recente relatório de prospetiva global.

    De acordo com o «Global Economic Prospects» (GEP), publicado terça-feira pela instituição internacional, o bloco monetário europeu deverá registar uma contração de 0,1% este ano, retomando o caminho do crescimento em 2014, com o PIB a crescer a uma taxa de 0,9%, acelerando depois para 1,4% no ano seguinte.

    Neste relatório, o BM corrige em baixa as previsões de crescimento global, para 2,3% em 2012 (face aos 2,5% estimados em junho último), enquanto projeta 2,4% para este ano e uma expansão de 3,1% no PIB mundial de 2014.

    Em 2013, de acordo com o GEP, os países em desenvolvimento deverão crescer 5,5%, enquanto o PIB conjunto nas economias de rendimento alto deverá progredir 1,3%, o mesmo valor de 2012.


    Manifestamente prospectivo, Jim Yong Kim, presidente do BM, afirma num documento relacionado com o relatório: «Não se pode esperar que os países de elevado rendimento regressem ao crescimento (…). Os países em desenvolvimento devem focar-se em impulsionar o potencial de crescimento das suas economias» e, ao mesmo tempo, protegerem-se dos riscos vindos da Zona euro e dos EUA.

    Neste contexto, o BM continuará a apoiar (as economias em desenvolvimento) nos seus investimentos em infraestrututra, saúde e educação, assegura a instituição no documento apresentado ontem.

    Globalmente, o comércio internacional (bens e serviços) terá registado uma expansão de apenas 3,5% em 2012, acelerando para um incremento de 6% em 2013, refere a mesma fonte.

    Though trading on financial markets involves high risk, it can still generate extra income in case you apply the right approach. By choosing a reliable broker such as InstaForex you get access to the international financial markets and open your way towards financial independence. You can sign up here.


  5. #5 Fechar a publicação
    Banned
    Data de afiliação
    Dec 2012
    Local
    Portugal
    Postagens
    10,737
    Obrigado
    43
    Agradecimentos 3,349 Tempos em 2,776 Postagens
    Previsões do Banco Mundial penalizam Wall Street



    As bolsas norte-americanas abriram em queda, depois de o Banco Mundial ter revisto em baixa as previsões para a economia mundial.
    O Dow Jones desvaloriza 0,40% e o S&P 500 perde 0,2% para os 1.461,7 pontos. Já o Nasdaq avança 0,04% para os 3.112,142 pontos.

    O Banco Mundial cortou as previsões de crescimento mundial para este ano, uma vez que as medidas de austeridade, o elevado desemprego e a baixa confiança dos empresários estão a penalizar os países desenvolvidos. Para 2013 a instituição prevê uma expansão de 2,4% e de 3,1% em 2014. No último ano, a economia global cresceu 2,3%.

    Estas previsões estão a penalizar o sentimento dos investidores. Entre as empresas que pressionam, destacam-se que a Boeing, que cai mais de 3,5% e o JP Morgan, que perde 0,3% depois de ter anunciado que registou a maior perda por investimento em mercado de capitais. Ainda assim os lucros ficaram acima do esperado pelos analistas.

    Though trading on financial markets involves high risk, it can still generate extra income in case you apply the right approach. By choosing a reliable broker such as InstaForex you get access to the international financial markets and open your way towards financial independence. You can sign up here.


  6. #6 Fechar a publicação
    Banned
    Data de afiliação
    Dec 2012
    Local
    Portugal
    Postagens
    10,737
    Obrigado
    43
    Agradecimentos 3,349 Tempos em 2,776 Postagens
    Banco Mundial, muito satisfeito com crescimento da África e América Latina

    Davos (Suíça) 26 jan (EFE).- O presidente do Banco Mundial, Jim Yong Kim, disse neste sábado que está muito satisfeito com o crescimento econômico apresentado pelos países da África e da América Latina nos últimos cinco anos.

    Em um discurso no Fórum Econômico Mundial, realizado na cidade suíça de Davos, Yong Kim previu que a África crescerá no próximo ano por volta de 5,5%.

    Segundo Yong Kim, a África investiu em 2000 16% do produto interno bruto (PIB) em investimentos e infraestrutura, percentagem que subiu para 22% em 2012.

    "Trabalhamos com estes países e fizeram muitas coisas bem: consolidação fiscal, investimento em saúde, educação e proteção social", disse o presidente do Banco Mundial.

    Yong Kim considerou que as economias emergentes mostraram uma grande resistência nos últimos cinco anos e fizeram a maior contribuição ao crescimento econômico global.

    O presidente do Banco Mundial também lembrou as elevadas taxas de desemprego entre os jovens, que são inclusive maiores entres as pessoas com educação universitária.

    Por outro lado, o presidente do Banco Mundial assinalou que é uma responsabilidade de todos os países conseguir um crescimento econômico que leve em conta a mudança climática. EFE

    Though trading on financial markets involves high risk, it can still generate extra income in case you apply the right approach. By choosing a reliable broker such as InstaForex you get access to the international financial markets and open your way towards financial independence. You can sign up here.


  7. The Following User Says Thank You to The Money Man For This Useful Post:

    Não registrado (1 )

  8. #7 Fechar a publicação
    Banned
    Data de afiliação
    Oct 2012
    Local
    Lusitânia
    Postagens
    7,331
    Obrigado
    37
    Agradecimentos 3,095 Tempos em 2,528 Postagens
    Banco Mundial premia fotos que evidenciam a desigualdade

    Ganhadores de concurso, de países como Colômbia, Nepal, Egito, Vietnã e Filipinas, retratam ciclo de pobreza que começa na infância.



    Um retrato do trabalho infantil no Nepal, feito por Cleopatra Di Benedetto. "Elas começam brincando com pedras e tijolos ao lado de suas mães e logo são incorporadas como trabalhadoras", diz. (Foto: Cleopatre di Benedetto)

    As imagens mostram crianças morando nas ruas, brincando com armas de brinquedo e trabalhando desde cedo, em vez de estudar.

    Though trading on financial markets involves high risk, it can still generate extra income in case you apply the right approach. By choosing a reliable broker such as InstaForex you get access to the international financial markets and open your way towards financial independence. You can sign up here.


  9. #8 Fechar a publicação
    Banned
    Data de afiliação
    Oct 2012
    Local
    Lusitânia
    Postagens
    7,331
    Obrigado
    37
    Agradecimentos 3,095 Tempos em 2,528 Postagens
    Presidente do Banco Mundial visitará o Brasil entre os dias 4 e 6 de Março

    Washington, 28 fev (EFE).- O presidente do Banco Mundial (BM), Jim Yong Kim, estará no Brasil entre os dias 4 e 6 de março, onde tem um encontro marcado com a presidente Dilma Rousseff e visitará projetos no Rio de Janeiro e na Bahia, informou nesta quinta-feira o órgão internacional.

    Trata-se da primeira reunião oficial entre Dilma e Kim, que tomou posse frente ao organismo internacional em julho de 2012.

    "Estou impressionado com o progresso econômico e social alcançado pelo Brasil na última década. O Brasil esteve à frente de combinação de políticas econômicas sãs, com oportunidades para os mais vulneráveis, das quais milhões de pessoas se beneficiaram", disse o presidente do organismo internacional em nota de imprensa.

    Kim também se reunirá com o ministro das Finanças, Guido Mantega e o presidente do Banco de Desenvolvimento do Brasil (BNDES), Luis Coutinho.

    "Por sua vez, compartilhamos as conquistas do Brasil com o resto do mundo e estamos orgulhosos de colaborar para superar os atuais desafios em educação, saúde e prosperidade compartilhada", acrescentou o comunicado.

    A primeira parada da viagem, em 4 março, será em Salvador, onde Kim realizará um percurso pelo projeto de melhora urbana na comunidade de São Bartolomeu e no Hospital do Subúrbio, que conta com respaldo financeiro do organismo internacional.

    No dia seguinte, viajará para Brasília, onde lançará com as autoridades e as Nações Unidas a "Iniciativa de Inovação e Conhecimento", que tem como meta erradicar a extrema pobreza e a prosperidade compartilhada, e se reunirá com membros do gabinete.

    Por último, concluirá sua visita em 6 de março no Rio de Janeiro, onde visitará o Centro de Gestão de Controle de Riscos de Desastre Municipal e se reunirá com o prefeito Eduardo Paes e com o governador Sérgio Cabral.

    O Banco Mundial avaliou os esforços do Brasil, que é considerado um "parceiro estratégico", para tirar mais de 20 milhões de pessoas da pobreza e destacou "seu crescente papel no desenvolvimento global".

    Na atualidade, o órgão internacional tem mais de 60 projetos em ativo no Brasil, tanto em nível municipal como estadual e nacional, e concedeu uma média de US$ 3,3 bilhões em empréstimos por ano ao país sul-americano nos últimos três anos. EFE

    Though trading on financial markets involves high risk, it can still generate extra income in case you apply the right approach. By choosing a reliable broker such as InstaForex you get access to the international financial markets and open your way towards financial independence. You can sign up here.


  10. The Following User Says Thank You to Trader Lusitano For This Useful Post:

    Não registrado (1 )

  11. #9 Fechar a publicação
    Banned
    Data de afiliação
    Oct 2012
    Local
    Lusitânia
    Postagens
    7,331
    Obrigado
    37
    Agradecimentos 3,095 Tempos em 2,528 Postagens
    Banco Mundial confia em solução para cortes de gastos nos EUA


    Brasília, 5 mar (EFE).- O presidente do Banco Mundial (BM), Jim Yong Kim, disse nesta terça-feira em Brasília que esse organismo "observa com muito cuidado" a discussão sobre os cortes orçamentários nos Estados Unidos e que confia em um acordo político que impeça um impacto maior na economia global.

    "Observamos a situação de perto e com muito cuidado", mas "neste momento é muito difícil prever qual pode ser o impacto" dos cortes de US$ 85 bilhões no orçamento dos EUA na economia mundial, disse Kim em entrevista coletiva em Brasília, onde está em visita oficial.

    Kim assinalou que o BM confia "que possa haver um acordo" entre republicanos e democratas no Congresso que impeça um agravamento da crise.

    Apontou que o BM estuda inclusive "o impacto que o 'sequestro' (como se denominou nos Estados Unidos o corte da despesa) possa ter na atual conjuntura europeia" e nos países em desenvolvimento, mas evitou comentar para onde apontam essas análises.

    Só antecipou que, pelo menos nos mercados financeiros, o BM considera que o efeito dos cortes "já foi assumido" e não teve maior impacto, o que se confirma com as fortes altas registradas na Bolsa de Wall Street nos últimos dias.

    Kim sustentou ainda que nos últimos meses a economia mundial deu algumas demonstrações de recuperação, embora a crise não tenha acabado. EFE

    ed/rsd

    Though trading on financial markets involves high risk, it can still generate extra income in case you apply the right approach. By choosing a reliable broker such as InstaForex you get access to the international financial markets and open your way towards financial independence. You can sign up here.


  12. The Following User Says Thank You to Trader Lusitano For This Useful Post:

    Não registrado (1 )

  13. #10 Fechar a publicação
    Banned
    Data de afiliação
    Oct 2012
    Local
    Lusitânia
    Postagens
    7,331
    Obrigado
    37
    Agradecimentos 3,095 Tempos em 2,528 Postagens
    Banco Mundial e ONU adotam programas sociais do Brasil contra pobreza

    Brasília, 5 mar (EFE).- Os programas sociais que tiraram cerca de 40 milhões de brasileiros da pobreza em pouco mais de uma década serão, a partir desta terça-feira, um "modelo" para o Banco Mundial (BM) e para as Nações Unidas, que vão recomendá-los como uma "referência" para os países em desenvolvimento.

    Segundo um acordo assinado hoje em Brasília pelo BM, o Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento (Pnud) e o governo, esses projetos serão parte fundamental da "Iniciativa de Conhecimento e Inovação para a Redução da Pobreza", que será oferecida a outros países que ainda lutam contra a miséria.

    "Assim como fez com seus programas de combate à aids, que foram uma revolução e serviram de inspiração para o resto do mundo, o Brasil agora dá lições de solidariedade com seus programas sociais e com a inclusão de milhões de pessoas", declarou o presidente do BM, Jim Yong Kim.

    O Brasil, na opinião do presidente do BM, "descobriu o 'Santo Graal' da inclusão social", com planos que integram distribuição de renda, geração de empregos e melhorias na saúde, na educação e nas infraestruturas.

    Segundo Kim, este país é a prova de que o crescimento econômico "é importante", mas é maior quando vem acompanhado de um "viés social" que considerou "crucial" para impedir a "instabilidade" e fazer com que o melhor desempenho econômico beneficie toda uma população, particularmente, os mais pobres.

    As bases dos programas sociais se concentram no plano "Brasil sem Miséria", anunciado pela presidente Dilma Rousseff em 2011 e que aglutinou e ampliou diferentes projetos de apoio aos mais pobres implantados desde o ano 2000.

    Através desses planos, que começaram no governo Fernando Henrique Cardoso, foram aprofundados durante os dois mandatos de Luiz Inácio Lula da Silva e ampliados com Dilma, o Brasil conseguiu tirar da pobreza cerca de 40 milhões de pessoas, segundo dados oficiais.

    Estes planos abrangem diversas medidas de apoio financeiro para pessoas de baixa renda tanto nos grandes centros urbanos como na zona rural. Alguns estão inclinados a melhorar o acesso à educação e à saúde e há também iniciativas direcionadas para a construção de moradias dignas, dotadas dos serviços básicos necessários.

    Segundo o acordo assinado hoje, a experiência brasileira será compilada em um banco de dados que o BM e o Pnud vão proporcionar ao mundo como um "modelo a se seguir" e que terá assessoria técnica do governo brasileiro.

    Em entrevista coletiva após a assinatura do acordo, o presidente do BM minimizou a importância da desaceleração da economia do Brasil no ano passado, cujo crescimento foi de apenas 0,9%.

    "Entendemos a decepção que representa para muitos, mas isso teve mais a ver com aspectos externos do que internos e acreditamos que haverá uma recuperação para este ano", disse Kim, que coincidiu com alguns analistas que preveem um crescimento de 3,5% para a economia brasileira em 2013.

    "Acreditamos em uma recuperação e que os investimentos atuais (sobretudo em infraestrutura) assentarão as bases para uma retomada do crescimento", declarou.

    O presidente do BM, que iniciou sua visita ao Brasil nesta segunda-feira na Bahia, se reuniu depois com o ministro da Fazenda Guido Mantega para discutir a possibilidade de cooperação na criação de um novo índice vinculado aos títulos públicos emitidos pelo país.

    Kim tinha um encontro previsto com a presidente Dilma, mas segundo disseram à Agência Efe fontes oficiais, foi cancelado por "problemas nas agendas" dos dois.

    Sua última atividade oficial em Brasília será pela noite, quando assistirá a uma cerimônia no Congresso, e depois viajará para o Rio de Janeiro, onde conhecerá o centro de gestão e controle de desastres e se reunirá com as autoridades locais. EFE

    ed/rpr

    Though trading on financial markets involves high risk, it can still generate extra income in case you apply the right approach. By choosing a reliable broker such as InstaForex you get access to the international financial markets and open your way towards financial independence. You can sign up here.


  14. The Following User Says Thank You to Trader Lusitano For This Useful Post:

    Não registrado (1 )

+ Responder ao Tópico
Página 1 de 4 1 2 3 ... Último

Assine este tópico (15)

Permissões de postagens

  • You may not post new threads
  • You may not post replies
  • You may not post attachments
  • You may not edit your posts