photo
+ Responder ao Tópico
Página 1 de 3 1 2 3 Último
Resultados de 1 a 10 de 27

Thread: Referendo na Catalunha - Espanha

  1. #1 Fechar a publicação
    Junior Member
    Data de afiliação
    Sep 2017
    Postagens
    15
    Obrigado
    3
    Agradecimentos 7 Tempos em 3 Postagens
    AssinarAssinar
    subscritar: 0

    Referendo na Catalunha - Espanha





    "Sim" vence com 90% na Catalunha e abre a porta a declaração de independência

    Com uma participação superior a 2 milhões de eleitores, 90% dos boletins validados são a favor de uma Catalunha independente e menos de 8% do "não".

    Segunda-feira vai começar com reuniões em Madrid e Barcelona. Mas o roteiro deve passar por uma declaração unilateral de independência.

    As dúvidas sobre se haveria ou não votação no referendo independentista do passado domingo, 1 de Outubro (1-O), foram dissipadas ao longo da jornada que culminou com uma clara vitória do "sim" à independência da Catalunha face ao reino de Espanha.

    Segundo os dados revelados pelo governo autonómico catalão (Generalitat), o "sim" obteve um pouco mais de 2 milhões de votos que representam 90,09% do total de mais de 2,2 milhões de boletins de voto validados. A participação acabou por superar o milhão de votos definido pela Generalitat como já sendo indicativo de "êxito" na consulta popular. O "não" ficou-se por 176,5 mil votos (7,87%).

    O porta-voz da Generalitat, Jordi Turull, explicou que faltam ainda contabilizar cerca de 15 mil votos e que, devido ao encerramento de várias assembleias de voto bem como a apreensão de muitas urnas de voto, em torno de 770 mil catalães terão ficado impossibilitados de votar, pelo que a participação registada superior a 40% poderia ter facilmente chegado aos 55%, explicou Turull.

    Though trading on financial markets involves high risk, it can still generate extra income in case you apply the right approach. By choosing a reliable broker such as InstaForex you get access to the international financial markets and open your way towards financial independence. You can sign up here.


  2. Os seguintes 4 Usuários Dizem Obrigado o a banqueirocomunista por este post útil:

    Fernando (02-10-2017), Paulo Santos (02-10-2017), The Money Man (19-10-2017), womanspeculator (03-10-2017)

  3. #2 Fechar a publicação
    Senior Member
    Data de afiliação
    Aug 2016
    Postagens
    1,378
    Obrigado
    56
    Agradecimentos 252 Tempos em 171 Postagens
    AssinarAssinar
    subscritar: 0
    Quote Originally Posted by banqueirocomunista View Post




    "Sim" vence com 90% na Catalunha e abre a porta a declaração de independência

    Com uma participação superior a 2 milhões de eleitores, 90% dos boletins validados são a favor de uma Catalunha independente e menos de 8% do "não".

    Segunda-feira vai começar com reuniões em Madrid e Barcelona. Mas o roteiro deve passar por uma declaração unilateral de independência.

    As dúvidas sobre se haveria ou não votação no referendo independentista do passado domingo, 1 de Outubro (1-O), foram dissipadas ao longo da jornada que culminou com uma clara vitória do "sim" à independência da Catalunha face ao reino de Espanha.

    Segundo os dados revelados pelo governo autonómico catalão (Generalitat), o "sim" obteve um pouco mais de 2 milhões de votos que representam 90,09% do total de mais de 2,2 milhões de boletins de voto validados. A participação acabou por superar o milhão de votos definido pela Generalitat como já sendo indicativo de "êxito" na consulta popular. O "não" ficou-se por 176,5 mil votos (7,87%).

    O porta-voz da Generalitat, Jordi Turull, explicou que faltam ainda contabilizar cerca de 15 mil votos e que, devido ao encerramento de várias assembleias de voto bem como a apreensão de muitas urnas de voto, em torno de 770 mil catalães terão ficado impossibilitados de votar, pelo que a participação registada superior a 40% poderia ter facilmente chegado aos 55%, explicou Turull.



    CATALUNHA


    DEVERÁ APRESENTAR DECLARAÇÃO UNILATERAL DE INDEPENDÊNCIA ESTA SEMANA

    O líder do movimento de separação da Catalunha de Espanha indicou que poderão realizar uma declaração unilateral de independência esta semana em seguimento dos resultados do referendo.


    2 milhões de votos que representam 90,09% do total de mais de 2,2 milhões de boletins de voto validados votaram no "sim". No entanto, este referendo foi considerado ilegal pelo Governo espanhol e pelo tribunal constitucional, tornando estes resultado não vinculativo.


    Catalunha é a comunidade com maior participação no PIB industrial do território espanhol. As exportações da Catalunha representam mais de 25% do total do Estado espanhol. O seu PIB é superior ao da Irlanda, Grécia e Portugal.


    O par Euro/Dólar cai neste momento 0,59% para $1,1745 e o índice IBEX 35 cai 1,28%. O spread entre as obrigações a 10 anos alemãs e espanhola está acima dos 118 bps.

    Though trading on financial markets involves high risk, it can still generate extra income in case you apply the right approach. By choosing a reliable broker such as InstaForex you get access to the international financial markets and open your way towards financial independence. You can sign up here.


  4. #3 Fechar a publicação
    Banned
    Data de afiliação
    Jul 2016
    Postagens
    1,102
    Obrigado
    69
    Agradecimentos 147 Tempos em 110 Postagens



    ESPANHA


    CRISE DA CATALUNHA PESA NO ÍNDICE IBEX 35

    Decorre hoje uma greve na Catalunha, como forma de protesto relativamente aos acontecimentos do último fim-de-semana.


    O líder do PSOE exigiu a abertura de um período de negociações entre o governo central e o governo regional e amanhã, o Parlamento Europeu realizará um debate sobre o tema.


    A crise da Catalunha tem pesado no índice IBEX 35 que há apenas dois meses era o país com melhor desempenho na Europa (+9,7%). Agora, o índice FTSE MIB da Itália é o que mais valoriza este ano (+18,50%), seguido do índice PSI 20 (+15,40%) e depois o índice DAX da Alemanha (12,40%).

    Though trading on financial markets involves high risk, it can still generate extra income in case you apply the right approach. By choosing a reliable broker such as InstaForex you get access to the international financial markets and open your way towards financial independence. You can sign up here.


  5. Os seguintes 2 Usuários Dizem Obrigado o a womanspeculator por este post útil:

    The Money Man (04-10-2017), Trader Lusitano (03-10-2017)

  6. #4 Fechar a publicação
    Banned
    Data de afiliação
    Oct 2012
    Local
    Lusitânia
    Postagens
    7,331
    Obrigado
    37
    Agradecimentos 2,904 Tempos em 2,362 Postagens



    Após referendo, bancos catalães caem mais de 3% na bolsa de Madrid


    Os dois principais bancos catalães, Caixa Bank e Banco Sabadell, tiveram forte queda na manhã desta segunda-feira (2) na bolsa de Madri, no dia seguinte ao referendo de independência proibido na Catalunha.


    Às 11H05 locais, as ações do Caixa Bank recuavam 3,42%, a 4,10 euros, e as do Banco Sabadell, 4,70%, a 1,68 euro, dentro do índice Ibex 35, que também caía 1,13%.


    Os demais bancos espanhóis também tinham queda, mas menos abrupta. O Santander perdia 1,95%, a 5,79 euros, e o BBVA, 1,79%, a 7,43 euros.


    Segundo o Executivo catalão, o sim a um "Estado independente em forma de república" ganhou com 90% - 2,02 milhões de votos -, e uma taxa de participação de 42,3%.


    O presidente regional, Carles Puigdemont, garantiu que, com isso, os catalães "ganharam o direito e ter um Estado independente" da Espanha.

    Though trading on financial markets involves high risk, it can still generate extra income in case you apply the right approach. By choosing a reliable broker such as InstaForex you get access to the international financial markets and open your way towards financial independence. You can sign up here.


  7. The Following User Says Thank You to Trader Lusitano For This Useful Post:

    jmsantos (06-10-2017)

  8. #5 Fechar a publicação
    Banned
    Data de afiliação
    Oct 2012
    Local
    Lusitânia
    Postagens
    7,331
    Obrigado
    37
    Agradecimentos 2,904 Tempos em 2,362 Postagens




    Líder catalão diz que região vai declarar independência em dias, informa BBC

    (Reuters) - A Catalunha vai declarar independência "em questão de dias", disse o líder da região, Carles Puigdemont, à BBC, em decisão que desafiaria Madri e tentaria implementar a diretriz do referendo de independência de domingo, considerado ilegal pelo governo espanhol.


    Puigdemont afirmou que seu governo "atuaria no final desta semana ou no início da próxima", de acordo com uma entrevista à BBC nesta terça-feira.
    Quando perguntado pela BBC o que faria se o governo espanhol interviesse e assumisse o controle do governo da Catalunha, Puigdemont disse que seria "um erro que muda tudo".


    O líder regional abriu a porta para uma declaração unilateral de independência da Espanha no domingo, depois que os eleitores desafiaram uma violenta repressão policial e, de acordo com autoridades regionais, votaram 90 por cento a favor da separação.


    O referendo, declarado ilegal pelo governo central da Espanha, jogou o país em sua pior crise constitucional em décadas e suscitou receios de violência nas ruas.

    Though trading on financial markets involves high risk, it can still generate extra income in case you apply the right approach. By choosing a reliable broker such as InstaForex you get access to the international financial markets and open your way towards financial independence. You can sign up here.


  9. #6 Fechar a publicação
    Banned
    Data de afiliação
    Oct 2012
    Local
    Lusitânia
    Postagens
    7,331
    Obrigado
    37
    Agradecimentos 2,904 Tempos em 2,362 Postagens




    Banco espanhol Sabadell vai transferir sede da Catalunha para Alicante, diz El País

    MADRI (Reuters) - O quinto maior banco da Espanha, o Sabadell, decidiu transferir sua sede legal da Catalunha para Alicante, noticiou o jornal espanhol El País nesta quinta-feira, no primeiro grande sinal de que o desejo de independência da rica região pode afastar grandes empresas.


    Mais cedo, o banco informou que o conselho da administração iria se reunir nesta quinta-feira, em sessão extraordinária, para discutir a mudança.


    A expectativa era que o parlamento da Catalunha declarasse a independência da região na segunda-feira, depois de prosseguir com um referendo proibido marcado pela violência no fim de semana passado. A corte constitucional espanhola, contudo, suspendeu nesta quinta-feira a sessão do Parlamento da Catalunha.

    Though trading on financial markets involves high risk, it can still generate extra income in case you apply the right approach. By choosing a reliable broker such as InstaForex you get access to the international financial markets and open your way towards financial independence. You can sign up here.


  10. The Following User Says Thank You to Trader Lusitano For This Useful Post:

    womanspeculator (06-10-2017)

  11. #7 Fechar a publicação
    Senior Member
    Data de afiliação
    Mar 2017
    Postagens
    309
    Obrigado
    33
    Agradecimentos 66 Tempos em 43 Postagens
    AssinarAssinar
    subscritar: 0
    Quote Originally Posted by Trader Lusitano View Post




    Banco espanhol Sabadell vai transferir sede da Catalunha para Alicante, diz El País

    MADRI (Reuters) - O quinto maior banco da Espanha, o Sabadell, decidiu transferir sua sede legal da Catalunha para Alicante, noticiou o jornal espanhol El País nesta quinta-feira, no primeiro grande sinal de que o desejo de independência da rica região pode afastar grandes empresas.


    Mais cedo, o banco informou que o conselho da administração iria se reunir nesta quinta-feira, em sessão extraordinária, para discutir a mudança.


    A expectativa era que o parlamento da Catalunha declarasse a independência da região na segunda-feira, depois de prosseguir com um referendo proibido marcado pela violência no fim de semana passado. A corte constitucional espanhola, contudo, suspendeu nesta quinta-feira a sessão do Parlamento da Catalunha.
    Independência da Catalunha esbarra em medo dos grandes bancos

    As grandes empresas catalãs entraram na crise política entre Barcelona e Madri, nesta quinta-feira (5), quando o Banco Sabadell, o quinto maior da Espanha, anunciou que pode deixar a Catalunha, cujas autoridades não recuam em seu empenho de declarar independência.


    O Banco Sabadell, o segundo maior da Catalunha atrás do Caixabank, decidirá durante a tarde sobre a eventual transferência de sua sede social, confirmou à AFP um porta-voz, depois de perder quase 10% na Bolsa desde o início da semana, enquanto a Espanha enfrenta a mais grave crise política do período democrático.


    "Há um conselho marcado para esta quinta-feira à tarde e o tema de uma mudança da sede social é um dos assuntos que será abordado, que será decidido hoje", disse o porta-voz.


    A ação do banco iniciou uma recuperação na Bolsa logo após o anúncio. Outro exemplo é o da empresa de biotecnologia Oryzon, cujos títulos subiram 20% após o anúncio da transferência para Madri.


    Os acontecimentos aceleraram desde domingo, com o referendo de independência inconstitucional, no qual mais de 90% dos eleitores, segundo o governo catalão de Carles Puigdemont, pronunciaram-se a favor de uma ruptura com a Espanha. A participação eleitoral chegou a pouco mais de 42%.

    Though trading on financial markets involves high risk, it can still generate extra income in case you apply the right approach. By choosing a reliable broker such as InstaForex you get access to the international financial markets and open your way towards financial independence. You can sign up here.


  12. #8 Fechar a publicação
    Banned
    Data de afiliação
    Oct 2012
    Local
    Lusitânia
    Postagens
    7,331
    Obrigado
    37
    Agradecimentos 2,904 Tempos em 2,362 Postagens



    Madrid ameaça intervir na crise que começa a "ir ao bolso" dos catalães


    Na véspera da decisiva sessão parlamentar em Barcelona, o ambiente político e económico fervilha.

    Mais duas grandes empresas podem sair da Catalunha e Rajoy prepara-se para ir além da suspensão constitucional da autonomia.

    O Governo espanhol renovou esta segunda-feira, 9 de Outubro, as ameaças ao executivo regional da Catalunha, no caso de avançar mesmo com uma declaração unilateral de independência na sequência dos resultados do referendo realizado na semana passada. No entanto, mais do que as intimidações de Madrid, pode ser a pressão na frente económica e financeira a suavizar o ímpeto do movimento soberanista.

    Já esta manhã, a vice-presidente do governo central, Soraya Sáenz de Santamaría, confirmou que, acontecendo essa comunicação no Parlamento catalão, para "restaurar a lei e a democracia" será aplicado o já famoso artigo 155 da Constituição espanhola, que, na prática, entrega ao Estado as rédeas governativas de uma comunidade autónoma se ela "ameaçar gravemente o interesse geral de Espanha".

    "Haverá medidas para restaurar a lei e a democracia porque isto tem a ver com a democracia e na Catalunha há muita gente que deixou de respeitar quem não pensa igual", concretizou Sáenz de Santamaría em declarações à cadeia radiofónica COPE. Numa entrevista ao jornal Die Welt, publicada esta segunda-feira, também o primeiro-ministro, Mariano Rajoy, garantiu que "Espanha não será dividida e a unidade nacional vai ser preservada", prometendo "fazer tudo o que a legislação permite para assegurá-lo".

    Não havendo nenhuma norma que preveja que um Governo ou Parlamento regional rompa a integridade territorial, há muito que este artigo constitucional, que suspende total ou parcialmente a autonomia de uma região, é apontado como a derradeira solução. Porém, como nunca foi aplicado, sobram dúvidas em Madrid sobre a sua eficácia. E é por isso, relata o El Pais, que os conservadores estão a estudar "todo o arsenal legal à disposição do Estado", para complementar esse artigo com medidas extraordinárias, incluindo ao nível do "Estado de Emergência, Excepção e Sítio".

    O que fará Carles Puigdemont? Essa é a grande dúvida. Para já, continua a esticar a corda. "A declaração de independência - não lhe chamamos uma declaração unilateral de independência - está prevista na lei do referendo como uma aplicação dos resultados. Aplicaremos o que a lei diz", referiu o líder catalão numa declaração antecipada este domingo pela estação de televisão TV3, que acabou por não passar na reportagem final. Da parte da Assembleia Nacional Catalã, o grupo cívico que tem liderado as mega manifestações pró-independência, surgiu um novo vídeo, na rede social Twitter, a pressionar a declaração de independência.

    Though trading on financial markets involves high risk, it can still generate extra income in case you apply the right approach. By choosing a reliable broker such as InstaForex you get access to the international financial markets and open your way towards financial independence. You can sign up here.


  13. Os seguintes 2 Usuários Dizem Obrigado o a Trader Lusitano por este post útil:

    Fernando (09-10-2017), Paulo Santos (09-10-2017)

  14. #9 Fechar a publicação
    Senior Member
    Data de afiliação
    Feb 2017
    Postagens
    113
    Obrigado
    30
    Agradecimentos 77 Tempos em 52 Postagens
    AssinarAssinar
    subscritar: 0
    Quote Originally Posted by Trader Lusitano View Post



    Madrid ameaça intervir na crise que começa a "ir ao bolso" dos catalães


    Na véspera da decisiva sessão parlamentar em Barcelona, o ambiente político e económico fervilha.

    Mais duas grandes empresas podem sair da Catalunha e Rajoy prepara-se para ir além da suspensão constitucional da autonomia.

    O Governo espanhol renovou esta segunda-feira, 9 de Outubro, as ameaças ao executivo regional da Catalunha, no caso de avançar mesmo com uma declaração unilateral de independência na sequência dos resultados do referendo realizado na semana passada. No entanto, mais do que as intimidações de Madrid, pode ser a pressão na frente económica e financeira a suavizar o ímpeto do movimento soberanista.

    Já esta manhã, a vice-presidente do governo central, Soraya Sáenz de Santamaría, confirmou que, acontecendo essa comunicação no Parlamento catalão, para "restaurar a lei e a democracia" será aplicado o já famoso artigo 155 da Constituição espanhola, que, na prática, entrega ao Estado as rédeas governativas de uma comunidade autónoma se ela "ameaçar gravemente o interesse geral de Espanha".

    "Haverá medidas para restaurar a lei e a democracia porque isto tem a ver com a democracia e na Catalunha há muita gente que deixou de respeitar quem não pensa igual", concretizou Sáenz de Santamaría em declarações à cadeia radiofónica COPE. Numa entrevista ao jornal Die Welt, publicada esta segunda-feira, também o primeiro-ministro, Mariano Rajoy, garantiu que "Espanha não será dividida e a unidade nacional vai ser preservada", prometendo "fazer tudo o que a legislação permite para assegurá-lo".

    Não havendo nenhuma norma que preveja que um Governo ou Parlamento regional rompa a integridade territorial, há muito que este artigo constitucional, que suspende total ou parcialmente a autonomia de uma região, é apontado como a derradeira solução. Porém, como nunca foi aplicado, sobram dúvidas em Madrid sobre a sua eficácia. E é por isso, relata o El Pais, que os conservadores estão a estudar "todo o arsenal legal à disposição do Estado", para complementar esse artigo com medidas extraordinárias, incluindo ao nível do "Estado de Emergência, Excepção e Sítio".

    O que fará Carles Puigdemont? Essa é a grande dúvida. Para já, continua a esticar a corda. "A declaração de independência - não lhe chamamos uma declaração unilateral de independência - está prevista na lei do referendo como uma aplicação dos resultados. Aplicaremos o que a lei diz", referiu o líder catalão numa declaração antecipada este domingo pela estação de televisão TV3, que acabou por não passar na reportagem final. Da parte da Assembleia Nacional Catalã, o grupo cívico que tem liderado as mega manifestações pró-independência, surgiu um novo vídeo, na rede social Twitter, a pressionar a declaração de independência.
    Dinheiro chega ao debate

    Declarações políticas à parte, as vozes que mais se têm ouvido nos últimos dias chegam do universo económico e financeiro daquela que é a região mais rica de Espanha, com 7,5 milhões de consumidores e que representa cerca de 2% do PIB europeu. E até o próprio ex-presidente da Generalit, Artur Mas, já reconheceu ao Financial Times que a Catalunha "carece de estruturas básicas de Estado" e pode não estar já preparada para ser independente.

    O sucessor no cargo, o polémico Carles Puigdemont, foi forçado a reunir no passado sábado com uma delegação do Cercle d’Economia, um reputado lóbi empresarial que reúne grandes empresários, economistas e académicos da região. E nesse encontro com o grupo dirigido por Jordi Alberich ouviu o apelo directo para "uma negociação política sensata" com Madrid e para de imediato "remover a sombra" da declaração de independência.

    Though trading on financial markets involves high risk, it can still generate extra income in case you apply the right approach. By choosing a reliable broker such as InstaForex you get access to the international financial markets and open your way towards financial independence. You can sign up here.


  15. The Following User Says Thank You to Fernando For This Useful Post:

    Paulo Santos (09-10-2017)

  16. #10 Fechar a publicação
    Senior Member
    Data de afiliação
    Aug 2016
    Postagens
    1,378
    Obrigado
    56
    Agradecimentos 252 Tempos em 171 Postagens
    AssinarAssinar
    subscritar: 0
    Quote Originally Posted by Fernando View Post
    Dinheiro chega ao debate

    Declarações políticas à parte, as vozes que mais se têm ouvido nos últimos dias chegam do universo económico e financeiro daquela que é a região mais rica de Espanha, com 7,5 milhões de consumidores e que representa cerca de 2% do PIB europeu. E até o próprio ex-presidente da Generalit, Artur Mas, já reconheceu ao Financial Times que a Catalunha "carece de estruturas básicas de Estado" e pode não estar já preparada para ser independente.

    O sucessor no cargo, o polémico Carles Puigdemont, foi forçado a reunir no passado sábado com uma delegação do Cercle d’Economia, um reputado lóbi empresarial que reúne grandes empresários, economistas e académicos da região. E nesse encontro com o grupo dirigido por Jordi Alberich ouviu o apelo directo para "uma negociação política sensata" com Madrid e para de imediato "remover a sombra" da declaração de independência.


    Alertas de turbulência financeira


    Pode a declaração de independência da Catalunha e a sua separação de Espanha ter efeitos ainda piores para a Europa do que a saída do Reino Unido da União Europeia, a começar pela Zona Euro, de onde os catalães seriam automaticamente excluídos? Essa é a perspectiva de Wolfgang Münchau, director do Eurointelligence e colunista do Financial Times, que num artigo escrito no jornal britânico escreveu que esta saída levaria à queda do sistema bancário e faria regressar a crise económica e financeira à Zona Euro.


    Também a chefe da missão do Fundo Monetário Internacional (FMI) para a Espanha, Andrea Schaechter, advertiu no final da semana passada, sem se alongar nas explicações ou referências aos eventos políticos no pais, para o facto de uma "incerteza prolongada" na Catalunha "[poder] pesar sobre a confiança e as decisões de investimento" em Espanha.
    Alertas de turbulência financeira


    Pode a declaração de independência da Catalunha e a sua separação de Espanha ter efeitos ainda piores para a Europa do que a saída do Reino Unido da União Europeia, a começar pela Zona Euro, de onde os catalães seriam automaticamente excluídos? Essa é a perspectiva de Wolfgang Münchau, director do Eurointelligence e colunista do Financial Times, que num artigo escrito no jornal britânico escreveu que esta saída levaria à queda do sistema bancário e faria regressar a crise económica e financeira à Zona Euro.


    Também a chefe da missão do Fundo Monetário Internacional (FMI) para a Espanha, Andrea Schaechter, advertiu no final da semana passada, sem se alongar nas explicações ou referências aos eventos políticos no pais, para o facto de uma "incerteza prolongada" na Catalunha "[poder] pesar sobre a confiança e as decisões de investimento" em Espanha.

    Though trading on financial markets involves high risk, it can still generate extra income in case you apply the right approach. By choosing a reliable broker such as InstaForex you get access to the international financial markets and open your way towards financial independence. You can sign up here.


  17. Os seguintes 2 Usuários Dizem Obrigado o a Paulo Santos por este post útil:

    The Money Man (19-10-2017), Trader Lusitano (26-10-2017)

+ Responder ao Tópico
Página 1 de 3 1 2 3 Último

Assine este tópico (1)

Permissões de postagens

  • You may not post new threads
  • You may not post replies
  • You may not post attachments
  • You may not edit your posts