photo
+ Responder ao Tópico
Resultados de 1 a 1 de 1

Thread: Existencial-humanista

  1. #1 Fechar a publicação
    Junior Member
    Data de afiliação
    Jan 2022
    Postagens
    11
    Obrigado
    0
    Agradecimentos 6 Tempos em 4 Postagens
    AssinarAssinar
    subscritar: 0

    Existencial-humanista

    Existencial-humanista

    O psicólogo Abraham Maslow, em 1943, afirmou que os seres humanos têm uma hierarquia de necessidades, e faz sentido atender primeiro às necessidades básicas (alimentos, água, etc.) antes que as necessidades de ordem mais alta possam ser atendidas [103].
    A psicologia humanista, que tem sido influenciada pelo existencialismo e pela fenomenologia[104], enfatiza o livre arbítrio e a auto-atualização[105]. Ela surgiu nos anos 50 como um movimento dentro da psicologia acadêmica, em reação tanto ao comportamentalismo quanto à psicanálise[106]. A abordagem humanista procura ver a pessoa inteira, não apenas partes fragmentadas da personalidade ou cognições isoladas[107]. A psicologia humanista também enfoca o crescimento pessoal, a autoidentidade, a morte, a solidão e a liberdade. Ela enfatiza o significado subjetivo, a rejeição do determinismo e a preocupação com o crescimento positivo em vez da patologia. Alguns dos fundadores da escola de pensamento humanista foram os psicólogos americanos Abraham Maslow, que formulou uma hierarquia de necessidades humanas, e Carl Rogers, que criou e desenvolveu uma terapia centrada no cliente.
    sinais de ações
    Mais tarde, a psicologia positiva abriu temas humanísticos ao estudo científico. Psicologia positiva é o estudo de fatores que contribuem para a felicidade e o bem-estar humano, concentrando-se mais nas pessoas que atualmente são saudáveis. Em 2010, a Clinical Psychological Review publicou um número especial dedicado a intervenções psicológicas positivas, como o jornalismo de gratidão e a expressão física de gratidão. Entretanto, está longe de ser claro que a psicologia positiva é eficaz para tornar as pessoas mais felizes[108][109] As intervenções psicológicas positivas têm sido limitadas no escopo, mas seus efeitos são considerados um pouco melhores do que os efeitos placebo. A evidência, entretanto, está longe de estar clara de que intervenções baseadas na psicologia positiva aumentam a felicidade ou a resiliência humana[108][109].


    A psicologia humanista é principalmente uma orientação para toda a psicologia e não para uma área ou escola distinta. Ela representa respeito pelo valor das pessoas, respeito pelas diferenças de abordagem, abertura de mente quanto a métodos aceitáveis e interesse na exploração de novos aspectos do comportamento humano. Como uma "terceira força" na psicologia contemporânea, ela se preocupa com temas que têm pouco lugar nas teorias e sistemas existentes: por exemplo, amor, criatividade, auto, crescimento, organismo, necessidade básica - gratificação, auto-realização, valores superiores, ser, tornar-se, espontaneidade, jogo, humor, afeto, naturalidade, calor, ego-transcendência, objetividade, autonomia, responsabilidade, significado, fair-play, experiência transcendental, experiência de pico, coragem e conceitos relacionados.

    Sinais de negociação Forex


    A psicologia existencial enfatiza a necessidade de compreender a orientação total de um cliente para o mundo. A psicologia existencial se opõe ao reducionismo, comportamentalismo e outros métodos que objetivam o indivíduo [105]. Nos anos 50 e 60, influenciados pelos filósofos Søren Kierkegaard e Martin Heidegger, o psicólogo americano Rollo May, psicanaliticamente treinado, ajudou a desenvolver a psicologia existencial. A psicoterapia existencial, que decorre da psicologia existencial, é uma abordagem terapêutica que se baseia na idéia de que o conflito interior de uma pessoa surge do confronto desse indivíduo com os dons da existência. Também se pode dizer que o psicanalista suíço Ludwig Binswanger e o psicólogo americano George Kelly pertencem à escola existencial [111]. Os psicólogos existenciais tendem a diferir dos psicólogos mais "humanistas" na visão relativamente neutra da natureza humana e na avaliação relativamente positiva da ansiedade. [112] Os psicólogos existenciais enfatizaram os temas humanistas da morte, do livre arbítrio e do significado, sugerindo que o significado pode ser moldado por mitos e narrativas; o significado pode ser aprofundado pela aceitação do livre arbítrio, que é necessário para viver uma vida autêntica, embora muitas vezes com ansiedade em relação à morte.


    sinais do ouro

    Personalidade
    A psicologia da personalidade se preocupa com padrões duradouros de comportamento, pensamento e emoção. As teorias da personalidade variam entre diferentes escolas psicológicas de pensamento. Cada teoria carrega diferentes suposições sobre características como o papel do inconsciente e a importância da experiência infantil. Segundo Freud, a personalidade é baseada nas interações dinâmicas do id, ego e super-ego[116]. Em contraste, os teóricos das características desenvolveram taxonomias de construções de personalidade
    Last edited by Martha Santos; 24-08-2022 at 06:10 PM.

  2. Os seguintes 2 Usuários Dizem Obrigado o a pattern por este post útil:

    Não registrado (2 )

+ Responder ao Tópico

Permissões de postagens

  • You may not post new threads
  • You may not post replies
  • You may not post attachments
  • You may not edit your posts